“Ide pelo mundo inteiro e anunciai o Evangelho a toda criatura” Mc 16,15

Arquidiocese lança ‘Carta de Campinas’ pela erradicação do trabalho infantil

07/12/2017  |  16:28:44

No final da Missa da Solenidade da Imaculada Conceição de Nossa Senhora, que será celebrada nesta sexta-feira, dia 08 de dezembro, às 9h, na Catedral Metropolitana, a Arquidiocese de Campinas, por meio de seu Arcebispo Metropolitano, Dom Airton José dos Santos, fará assinatura da Carta de Campinas pela erradicação ao trabalho infantil.

O Tribunal Regional do Trabalho da 15ª Região constatou um aumento expressivo do trabalho infantil no Estado de São Paulo, clamando por um forte trabalho de conscientização de toda a sociedade para a gravidade desse problema. Esse projeto de conscientização teve início no ano passado, com a assinatura da Carta de Aparecida, no Santuário Nacional, por ocasião das celebrações dos 300 anos da aparição da imagem de Nossa Senhora da Conceição no Rio Paraíba.

O trabalho infantil acarreta às crianças e aos adolescentes. Está comprovado, por inúmeras pesquisas, “que a maioria dos presos e também de adolescentes submetidos a medidas socioeducativas começaram a trabalhar precocemente, o que comprometeu a frequência escolar e acarretou maior dificuldade no aprendizado”.

Assim, o objetivo é que as crianças e adolescentes tenham respeitados os seus direitos de uma adequada formação humana e profissional, sem a responsabilidade de serem os mantenedores da sobrevivência familiar.

A Carta traz as razões pelas quais se deve lutar pela erradicação dessa chaga e, também, os compromissos para que seja eliminado o trabalho infantil em todas as suas modalidades.

A imprensa da Arquidiocese de Campinas também é convidada a participar dessa iniciativa, tanto no auxílio fundamental na conscientização da população, quanto na fiscalização dos projetos desenvolvidos para esse fim.

Mais informações pelo telefone (19) 3241.7275. Tenha acesso a Cartilha “Trabalho Infantil – 50 Perguntas e Respostas – Proteção ao Trabalho Decente do Adolescente e Aprendizagem”.

 Assinam a Carta de Campinas pela erradicação ao trabalho infantil:

* Dom Airton José dos Santos

Arcebispo Metropolitano de Campinas

* Dr. Fernando da Silva Borges

Desembargador Presidente do TRT da 15ª Região

* Dr. João Batista Martins César

Desembargador Presidente do Comitê Regional de Erradicação ao Trabalho Infantil do TRT 15ª Região

* Drª. Tereza Aparecida Asta Gemignani

Desembargadora Membro do Comitê Regional de Erradicação ao Trabalho Infantil do TRT 15ª Região

* Drª. Camila Ceroni Scarabelli

Juíza do Trabalho Coordenadora do Juizado Especial da Infância e da Adolescência da circunscrição de Campinas

* Drª. Maria Stela Guimarães de Martin

Procuradora-Chefe da Procuradoria Regional do Trabalho da 15ª Região

* Dr. Ronaldo José de Lira

Representante da Coordenadoria Nacional de Combate ao Trabalho Infantil

* Dr. Denis Henrique Silva

Promotor de Justiça e Assessor do Centro de Apoio as Promotorias de Justiça da Infância e Juventude do Ministério Público do Estado de São Paulo

* Dr. Daniel Blikstein

Presidente da 3ª Subseção da Ordem dos Advogados do Brasil em Campinas

Fonte: Arquidiocese de Campinas 

Onde estamos

Av. Independência, 1146 – Bairro Higienópolis
Cep: 13.419-155 – Piracicaba-SP
Fone: 19 2106-7575
Falar Conosco

Horários de Funcionamento

Cúria Diocesana

Segunda à Sexta das 08h às 11:30 e das 13h às 17h.

Assessoria de Comunicação

Segunda à Sexta das 13:30 às 17:30

Diocese de Piracicaba