“Ide pelo mundo inteiro e anunciai o Evangelho a toda criatura” Mc 16,15

Organização

A CNBB – Conferência Nacional dos Bispos do Brasil é a instituição permanente que congrega os bispos da Igreja Católica no país. Foi fundada em 1952, no Rio de Janeiro, onde teve sua sede até 1977, quando foi transferida para Brasília. Sua história é marcada pelo espírito de colegialidade e pela comunhão entre os bispos.

Presidência

Presidente - Dom Raymundo Damasceno Assis (Arcebispo de Aparecida - SP)

Vice-presidente - Dom José Belisário da Silva (Arcebispo de São Luís - MA)

Secretário geral - Dom Leonardo Ulrich Steiner (Bispo prelado de São Félix – MT) 

Endereço da Sede Nacional

SE/Sul Quadra 801 - conjunto B

CEP 70.200-014 – Brasília (DF) 

Fone: (61) 2103-8300 e (61) 2103–8200 - Fax: (61) 2103-8303

E-mail: cnbb@cnbb.org.br

Site: www.cnbb.org.br

CONSTITUIÇÃO E ORGANIZAÇÃO - São membros da CNBB os bispos diocesanos, os auxiliares, os coadjutores, os que exercem no país ofício especial, confiado pela Santa Sé ou pela CNBB, e os prelados das Igrejas orientais católicas. Os bispos eméritos podem ser chamados, por sua competência, a colaborar com a CNBB em comissões e grupos de trabalho e também participam das assembleias gerais como convidados com direito a voz mas não a voto.

São órgãos constitutivos da CNBB: a Assembleia Geral, o Conselho Permanente, a Presidência, o Conselho Episcopal Pastoral, o Secretariado Geral, os Conselhos Episcopais Regionais, as Comissões Episcopais Pastorais, o Conselho Econômico e o Conselho Fiscal.

A entidade possui outras comissões e grupos de trabalhos, que não são órgãos constitutivos mas colaboram com estes na execução das deliberações da CNBB. Conta também com outras instituições não episcopais a ela vinculadas, que lhe prestam colaboração específica. Para melhor cumprir sua missão, a CNBB conta com a colaboração de assessores e peritos, bispos eméritos e presbíteros, e outros membros da Igreja.

A Assembleia Geral é o órgão supremo da CNBB. Realiza-se ordinariamente uma vez por ano e tem toda a autoridade e competência requeridas para o cumprimento dos próprios fins e dos da CNBB. Segundo o artigo 27 do Estatuto da CNBB, a assembleia "é a expressão e a realização maiores do afeto colegial, da comunhão e co-responsabilidade dos pastores da Igreja no Brasil". Trata de assuntos pastorais, de ordem espiritual e de ordem temporal, e dos problemas emergentes da vida das pessoas e da sociedade, na perspectiva da evangelização.

O Conselho Permanente é o órgão de orientação e acompanhamento da atuação da CNBB e dos organismos a ela vinculados. É constituído pela Presidência, pelos presidentes das Comissões Episcopais Pastorais e pelos membros representantes dos Conselhos Episcopais Regionais. Reúne-se ordinariamente três vezes ao ano.

A Presidência é o órgão dirigente e administrativo da CNBB, constituído pelo presidente, vice-presidente e secretário geral.

O Conselho Episcopal Pastoral (CONSEP) é o órgão executivo das decisões pastorais da Assembleia Geral e do Conselho Permanente, responsável pela promoção e coordenação da Pastoral Orgânica em âmbito nacional. É constituído pela Presidência da CNBB e pelos presidentes das Comissões Episcopais Pastorais.

O Secretariado Geral é o órgão permanente executivo que serve à coordenação e intercomunicação, dinamização e eficiência dos órgãos da CNBB e dos organismos a ela vinculados. Está sob a responsabilidade e coordenação imediata do Secretário Geral.

As Comissões Episcopais Pastorais promovem a Pastoral Orgânica nacional, com suas dimensões globais e setores especializados. Por proposta do Conselho Permanente, a Assembleia Geral fixa, para cada quadriênio, o número de Comissões Episcopais Pastorais, as atribuições e números de componentes de cada uma. Os presidentes são eleitos pela Assembleia Geral e os demais membros eleitos pelo Conselho Permanente. Hoje são doze as Comissões Episcopais Pastorais: Ação Missionária e Cooperação Intereclesial; Animação Bíblico-catequética; Comunicação Social; Doutrina da Fé; Ecumenismo e Diálogo Inter-religioso; Educação e Cultura; Juventude; Laicato; Liturgia; Ministérios Ordenados e Vida Consagrada; Serviço da Caridade, Justiça e Paz, e Vida e Família.

A CNBB funciona, nas regiões delimitadas pela Assembleia Geral, por meio dos Conselhos Episcopais Regionais (CONSER), formados de todos os membros da CNBB domiciliados na região.

Regionais - A CNBB está dividida em 17 Conselhos Episcopais Regionais, conhecidos como Regionais. São estes:

1- NORTE 1 (Norte do Amazonas e Roraima)

2- NORTE 2 (Amapá e Pará)

3- NORDESTE 1 (Ceará)

4- NORDESTE 2 (Alagoas, Paraíba, Pernambuco e Rio Grande do Norte)

5- NORDESTE 3 (Bahia e Sergipe)

6- NORDESTE 4 (Piauí)

7- NORDESTE 5 (Maranhão)

8- LESTE 1 (Rio de Janeiro)

9- LESTE 2 (Espírito Santo e Minas Gerais)

10- SUL 1 (São Paulo)

11- SUL 2 (Paraná)

12- SUL 3 (Rio Grande do Sul)

13- SUL 4 (Santa Catarina)

14- CENTRO-OESTE (Distrito Federal, Goiás e Tocantins)

15- OESTE 1 (Mato Grosso do Sul)

16- OESTE 2 (Mato Grosso)

17- NOROESTE (Acre, sul do Amazonas e Rondônia)

ORGANISMOS - A CNBB mantém relações com vários organismos denominados vinculados, de comunhão e diálogo e relacionados.

Os organismos vinculados com a CNBB são dezenove: CCAEM - Centro de Animação e Estudos Missionários; Caritas Brasileira; CBJP - Comissão Brasileira de Justiça e Paz; CCM - Centro Cultural Missionário; CEFEP - Centro Nacional de Fé e Política Dom Helder Câmara; CENFI - Centro de Formação Intercultural; CERIS - Centro de Estatística Religiosa e Investigações Sociais; CIMI - Conselho Indigenista Missionário; CND – Comissão Nacional de Diáconos; CNP - Comissão Nacional de Presbíteros; IBRADES - Instituto Brasileiro de Desenvolvimento; INP - Instituto Nacional de Pastoral; MEB - Movimento de Educação de Base; OSIB - Organização dos Seminários e Institutos Filosfófico-teológicos do Brasil; Pastoral da Criança; Pastoral da Pessoa Idosa; Pastoral da Sobriedade; Pastoral do Menor, e SCAI - Serviço de Cooperação Apostólica Internacional.

Os Organismos de diálogo e comunhão com a CNBB são quatro: CRB - Conferência Nacional dos Religiosos do Brasil; CNIS - Conferência Nacional dos Institutos Seculares; CNLB - Conselho Nacional do Laicato do Brasil, e POM - Pontifícias Obras Missionárias.

As Instituições relacionadas com a CNBB são três: CPT – Comissão Pastoral da Terra; ANEC - Associação Nacional de Escolas Católicas, e Pastoral Operária Nacional.

Onde estamos

Av. Independência, 1146 – Bairro Higienópolis
Cep: 13.419-155 – Piracicaba-SP
Fone: 19 2106-7575
Falar Conosco

Horários de Funcionamento

Cúria Diocesana

Segunda à Sexta das 08h às 11:30 e das 13h às 17h.

Assessoria de Comunicação

Segunda à Sexta das 13:30 às 17:30

Diocese de Piracicaba