“Eu te constituí como luz das nações para levares a salvação até os confins da terra” (At 13,47)
“Eu te constituí como luz das nações para levares a salvação até os confins da terra” (At 13,47)

Revisão Ampla: um longo processo de revisão e planejamento

A partir de 2008, a diocese realiza um longo processo de revisão e planejamento chamado Revisão Ampla, tendo como tema “De fiéis batizados a discípulos missionários” e como lema “Diocese de Piracicaba: escuta, segue e anuncia o Cristo”.

A Revisão Ampla teve o objetivo de fazer uma profunda análise da realidade diocesana, revendo organismos e estruturas, procurando encontrar rumos para uma ação pastoral mais organizada e eficiente. Procurou responder a estas perguntas: Quem somos? O que fazemos? Como fazemos? O que melhorar? Que rumos devemos tomar?

HISTÓRICO

Em 2007, contando com o apoio de Dom Fernando, o coordenador diocesano de pastoral, Padre Jucimar Bitencourt, e os coordenadores das seis regiões pastorais realizaram dois encontros para refletir sobre a caminhada da diocese e propor novos rumos. E assim, no final daquele ano, teve início o processo de revisão, quando se realizou um encontro de formação com o tema “Administração paroquial e seus desafios”, tendo como assessor o missionário leigo Aristides Madureira. A partir de então, foi apresentado o projeto de Revisão Ampla, aprovado pelo Conselho Diocesano de Presbíteros.

Foi constituída uma equipe para organizar e dirigir todo o trabalho – o Secretariado Executivo Diocesano de Revisão Ampla – formado pelo bispo diocesano, pelo coordenador diocesano de pastoral, pelos padres coordenadores das regiões pastorais, pelo coordenador dos diáconos permanentes, por um padre religioso e por três leigas. Essa equipe reuniu-se nos dias 23 e 24 de abril de 2008, sob a coordenação do assessor Aristides Madureira, para elaborar o primeiro instrumento de trabalho.

Depois desse encontro, outras reuniões foram realizadas. Ficou decidida a formação de nove comissões de trabalho integrando os diversos setores de atuação na diocese. As comissões, formadas por padres, diáconos e leigos são: Ministérios e vida consagrada, Laicato, vida e família, Animação missionária, Caridade, justiça e paz, Bíblico-catequética, Liturgia, Economia-administração, Cultura, educação e MCS, Movimentos.

A partir de então, muitas reuniões de estudo e planejamento, pesquisas e assembleias foram realizadas.

ASSEMBLEIAS

A primeira realizou-se de 24 a 26 de outubro de 2008, no prédio do Seminário Propedêutico “Imaculada Conceição”, em Piracicaba, reunindo padres, diáconos, religiosos e leigos integrantes das nove comissões. A assembleia, que foi coordenada pelo Aristides Madureira, fez um diagnóstico profundo das estruturas administrativas e pastorais da diocese, tendo por base um relatório do Secretariado Diocesano da Revisão Ampla, elaborado a partir de uma pesquisa junto aos padres.

A assembleia procurou fazer uma avaliação das “forças e debilidades” da nossa diocese, levantando-se os aspectos positivos e fraquezas, numa análise interna da diocese. Também procurou detectar as “oportunidades e ameaças” que se enfrentam, numa análise externa.

O resultado dessa assembleia deu origem a um novo documento que serviu de base para os próximos passos do processo. Uma empresa especializada elaborou um questionário, que foi enviado a todas as comunidades paroquiais, tendo como base 90 perguntas propostas pelas comissões.

Com o resultado dessa pesquisa e as propostas de ação vindas das paróquias e quase-paróquias, elaborou-se novo documento enfocando os temas que denominam as nove comissões de trabalho. Esse documento – que continha propostas a curto, médio e longo prazos – foi discutido e votado na segunda e terceira assembleias.

A segunda assembleia reuniu padres e diáconos no dia 28 de agosto de 2009, no centro pastoral da Paróquia Senhor Bom Jesus, em Rio Claro. A terceira se realizou no dia 28 de novembro, no salão social da Paróquia Imaculada Conceição, em Piracicaba, reunindo leigos representantes das paróquias e quase-paróquias, das pastorais, dos movimentos e associações apostólicas, das novas comunidades e outros organismos diocesanos, bem como religiosas que administram quase-paróquias, representantes do núcleo diocesano da CRB – Conferência dos Religiosos do Brasil e seminaristas diocesanos.

Na maioria das propostas, houve consenso entre as decisões das duas assembleias. Os poucos pontos divergentes foram equacionados pelo Secretariado Executivo. Definidas as propostas, elas integraram o texto do 6º. Plano de Pastoral, cuja votação final foi um dos objetivos da quarta assembleia diocesana (realizada em 16 de outubro de 2010). Esse plano propõe prioridades a curto, médio e longo prazos, a serem desenvolvidas em 2011, 2012 e 2013; prevê-se para 2014, uma avaliação geral de todo o processo.

Definidas essas propostas, o próximo passo foi a elaboração dos regimentos do Conselho Diocesano de Pastoral, das Regiões Pastorais, do Conselho Paroquial de Pastoral e do Conselho de Assuntos Econômicos Paroquial. O Secretariado Executivo elaborou o primeiro esboço desses regimentos e encaminhou às paróquias e quase-paróquias. Todos esses documentos foram estudados nas comunidades paroquiais que sugeriram emendas. O Secretariado Executivo avaliou essas emendas e as consideradas pertinentes foram acatadas.

Foram então reelaborados os textos dos quatro regimentos e enviados às paróquias e quase-paróquias, aos diáconos permanentes, ao núcleo diocesano da CRB, às comissões diocesanas de trabalho para nova análise e apresentação de emendas. Também foi encaminhado o texto final do plano de pastoral, contendo as prioridades definidas nas segunda e terceira assembleias. As sugestões de emendas ao plano pastoral só podiam corrigir ou melhorar a redação, uma vez que as propostas nele apresentadas foram definidas nas duas assembleias de 2009; já os quatro documentos podiam receber emendas de modificação, acréscimo ou supressão. Encaminhadas ao Secretariado Executivo, as emendas pertinentes foram acatadas, definindo-se os textos que foram discutidos e votados na assembleia.

FINALIZANDO O PROCESSO

No dia 16 de outubro de 2010, realizou-se a quarta assembleia diocesana da Revisão Ampla que definiu o plano de pastoral e os quatro regimentos. Foi realizada no salão social da Paróquia Santa Cruz e São Dimas, em Piracicaba, reunindo mais de 220 pessoas. Participaram o bispo diocesano Dom Fernando, padres, diáconos, seminaristas, religiosos e leigos, compondo as delegações das paróquias e quase-paróquias e das nove comissões de trabalho criadas pela Revisão Ampla, que englobam todas as forças vivas da diocese, como pastorais, movimentos, associações apostólicas, novas comunidades e outros organismos diocesanos.

Depois, no dia 17 de dezembro, foi realizada uma celebração na Catedral de Santo Antônio, durante a qual o plano de pastoral foi solenemente promulgado, definindo-se os novos rumos da caminhada diocesana. Também foram promulgados os regimentos do Conselho Diocesano de Pastoral, das Regiões Pastorais, do Conselho Paroquial de Pastoral e do Conselho de Assuntos Econômicos Paroquial, bem como os estatutos do Conselho Diocesano de Presbíteros e da Comissão Diocesana de Diáconos.

O processo da Revisão Ampla deve se encerrar em 2012, com a elaboração dos diretórios para os sacramentos.

Horário de Funcionamento

Cúria Diocesana

Segunda a Sexta das 8h às 11h30 e das 13h às 17h.

Assessoria de Comunicação

Segunda a Sexta das 13h30 às 17h30 Diocese de Piracicaba

Diocese de Piracicaba

Av. Independência, 1146 – Bairro Higienópolis - Cep: 13.419-155 – Piracicaba-SP - Fone: 19 2106-7575
Desenvolvido por index soluções